Terça, 18 de Janeiro de 2022 06:29
23°

Poucas nuvens

Marechal Cândido Rondon - PR

Dólar com.

R$ 5,52

Euro

R$ 6,3

Peso Arg.

R$ 0,05

Política Política

Elio Rusch assume oitavo mandato na Assembleia Legislativa

Confira os principais destaques desta semana

12/11/2021 10h26
Por: Editor
Elio Rusch assume oitavo mandato na Assembleia Legislativa

A região Oeste do Paraná ganhou nesta segunda-feira (08) mais um representante na Assembleia Legislativa. E um peso-pesado: aos 69 anos, o gaúcho radicado em Marechal Cândido Rondon Elio Rusch assumiu seu oitavo mandato no parlamento estadual.

 Após ter conquistado a primeira suplência em 2018, o político do DEM recuperou a cadeira em definitivo após a cassação do mandato de Fernando Francischini (PSL) pelo TSE. Além de Rusch, a decisão do tribunal permitiu o retorno de outros três deputados: Adelino Ribeiro (PRB), Nereu Moura (MDB) - esses dois também da região Oeste - e Pedro Paulo Bazana (PV).

"Sempre fui um defensor convicto da livre iniciativa, do setor privado e do direito à propriedade", resumiu o parlamentar. "O município, a região ou o estado só se desenvolvem quando existe uma parceria sólida entre o público e o privado."

 Rusch também destacou que vai atuar em três níveis: apoiando os grandes projetos que interessam ao estado como um todo, principalmente aqueles que contribuam para o seu desenvolvimento econômico e social; abraçando as grandes bandeiras e as causas encampadas pelas entidades representativas da região Oeste, como AMOP, ACAMOP, Caciopar e Oeste em Desenvolvimento, e trabalhar pelo desenvolvimento integrado da região; e ajudando a resolver as questões específicas de cada município da base, por meio do diálogo permanente com prefeitos, vereadores e lideranças comunitárias.

 "Assumo este novo mandato com muita humildade, consciente do dever e da responsabilidade que o cargo requer. Fomos todos pegos de surpresa com a forma como se deu esse retorno, mas vamos trabalhar muito pelo Paraná e pelo desenvolvimento da nossa região Oeste", concluiu Elio Rusch.

 

Outros três novos parlamentares tomaram posse na sessão plenária da segunda-feira (08) da Assembleia Legislativa do Paraná.

Adelino Ribeiro (Patriotas), Nereu Moura (MDB) e Pedro Paulo Bazana (PV) também assumiram as vagas deixadas após decisão proferida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cassando o mandato do deputado Delegado Francischini (PSL). O Tribunal determinou a anulação dos votos recebidos pelo parlamentar e a recontagem de votos. Com isso, também deixaram o Poder Legislativo os deputados Emerson Bacil, Do Carmo e Cassiano Caron, todos do PSL.

Dos quatro novos deputados, três já ocuparam uma cadeira na Assembleia Legislativa. Adelino Ribeiro nasceu em Goioerê, na região Centro-Oeste, em 1965. Vive há 35 anos em Cascavel, onde se elegeu vereador em 1997. Garantiu a reeleição em 2000 como vereador mais votado da cidade. Foi eleito deputado estadual pela primeira vez em 2010, sendo reeleito em 2014.

Nereu Moura assumiu uma cadeira na Assembleia Legislativa pela primeira vez em 1993. Candidatou-se novamente nas eleições de 1994, elegendo-se com 35.619 votos, sendo um dos mais votados do Paraná. Foi reeleito nos anos de 1998, 2002, 2006, 2010 e 2014.

Único estreante na Assembleia Legislativa, Pedro Paulo Bazana nasceu em 1967 e tomou posse para seu primeiro mandato como deputado estadual. Ex-vice-prefeito de Arapongas, Bazana obteve 21.145 votos no último pleito para deputado. Em 2020, foi candidato a prefeito de Arapongas. Atuou como presidente da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Arapongas.

GIRO POLÍTICO

 De Toledo

A desembargadora Morgana de Almeida Rocha, do TRT (Tribunal Regional do Trabalho) da 9ª Região, com sede no Paraná, foi indicada pelo presidente Jair Bolsonaro para ocupar uma vaga de ministra do TST (Tribunal Superior do Trabalho). Ela é natural da cidade de Toledo, casada com o ex-secretário estadual Pepe Richa e, portanto, cunhada do ex-governador Beto Richa. A confirmação, no entanto, dependerá do Senado Federal, onde ela deverá passar por uma sabatina da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) e depois ser aprovada por votação em plenário.

 Descontentamento

É crescente o descontentamento de pacientes e, inclusive, de colaboradores do grupo que recentemente assumiu o Hospital Rondon e o plano de saúde Sempre Vida. Os usuários reclamam de vários cortes feitos, que estariam comprometendo a qualidade do serviço já tradicional ao qual estavam acostumados por muitos anos. Uma das maiores queixas é com relação ao Plantão Médico para o qual apenas um profissional está disponível para uma demanda geralmente grande de pacientes no hospital. Outros cortes menos relevantes, também foram percebidos, como o sinal de televisão nos quartos. “Estão só os aparelhos de TV lá, mas sem sinal algum”, relatou uma paciente.

 Descredenciamento

Uma outra questão envolvendo o grupo que assumiu o Hospital Rondon é a notícia que em breve deve ocorrer o descredenciamento junto a Unimed. Se isso acontecer, os usuários deste plano de saúde terão que buscar atendimento hospitalar na cidade de Toledo, pelo menos até que o novo hospital da Unimed fique pronto em Marechal Cândido Rondon. Aliás, a instalação desta unidade muito provavelmente é a principal causa deste descredenciamento.

 Conselho dos Lindeiros

Foi aprovado esta semana o Projeto de Lei 333/2021, de autoria do deputado estadual Hussein Bakri (PSD), que altera a lei 11.337 de 17 de janeiro de 1996, a qual concedeu o título de utilidade pública ao Conselho de Desenvolvimentos dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu. Com a atualização da lei mantém-se a sede do Conselho no município de Santa Helena. Dezesseis cidades integram a entidade, sendo 15 no Paraná e um no Mato Grosso do Sul.

 Francisco Alves

O município de Francisco Alves elegeu no domingo (07) a prefeita mais jovem do Paraná. Com apenas 23 anos, Milena do Valtinho (PSDB) venceu uma eleição suplementar, e recebeu 2.096 votos. A eleição ocorreu após a Justiça Eleitoral impugnar a candidatura de Valter Cesar Rosa – Valtinho (PSDB), que é pai de Milena. Ele nem chegou a assumir o cargo, e no seu lugar estava Cabelo do Povão (PRB), que é presidente da Câmara.

 70 anos

A maior cidade do Oeste do Paraná, Cascavel completa neste mês 70 anos. A data de emancipação é comemorada no dia 14, mas o governador Ratinho Junior já esteve em Cascavel no final de semana passado e anunciou um feito histórico. “Estou muito feliz porque estamos anunciando algo que poucas cidades do mundo têm, que é 100% de tratamento e coleta de esgoto”, disse lembrando que no Brasil apenas a cidade de Piracicaba (SP) possui esse índice. Para atingir os 100% estão sendo investidos quase R$ 10 milhões.

 Reforços no PSD

O chefe da Casa Civil do Paraná, Guto Silva, destaca que o PSD vem ganhando musculatura para as eleições de 2022 com novas filiações. Seis dos oito prefeitos do Paraná filiados ao PTB migraram para o PSD, puxados pela deputada federal Luísa Canziani e seu pai, Alex Canziani. Em evento na cidade de Cambé foram filiados Juninho (Itaguajé), Maria Edna (Prado Ferreira), Adelita (Quatigá), Edimar Santos (Santa Cecília do Pavão), Valente (Santa Isabel do Ivaí) e Vinícius Rosa (São Jerônimo da Serra).

 Inelegível

O futuro político do ex-procurador Deltan Dallagnol deve estar também no Podemos, destino do ex-juiz Sérgio Moro. Dallagnol pretende disputar a Câmara dos Deputados. O advogado Luiz Fernando Casagrande Pereira, especialista em direito eleitoral, disse que o ex-procurador está inelegível por oito anos na Lei Ficha Limpa. A lei considera inelegível membro do Ministério Público que tenha pedido exoneração na pendência de processo administrativo disciplinar.

 Bolsonaro no PL

 

Sem partido há dois anos, desde que rompeu com o PSL e tentou sem sucesso criar o Aliança pelo Brasil, Jair Bolsonaro enfim anunciou sua nova casa. Nem PP e nem PTB. O presidente afirmou que está ‘99% fechado’ com o PL, sigla de Valdemar Costa Neto, condenado no mensalão. Ao acertar o acordo para sua filiação, Bolsonaro obteve a garantia de que terá ‘autonomia’ para indicar candidatos nos estados em 2022 e os comandos das executivas locais. Essas eram duas condições que ele sempre impôs ao partido que o acolhesse.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Giro Político
Sobre Giro Político
Os bastidores da política regional.
Marechal Cândido Rondon - PR
Atualizado às 06h22 - Fonte: Climatempo
23°
Poucas nuvens

Mín. 23° Máx. 37°

23° Sensação
15.2 km/h Vento
63% Umidade do ar
90% (11mm) Chance de chuva
Amanhã (19/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 22° Máx. 35°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Quinta (20/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 22° Máx. 36°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Ele1 - Criar site de notícias