Domingo, 25 de Julho de 2021 07:13
15°

Poucas nuvens

Marechal Cândido Rondon - PR

Dólar com.

R$ 5,2

Euro

R$ 6,12

Peso Arg.

R$ 0,05

Política Política

Paraná prorroga Estado de Calamidade Pública até 31 de dezembro

Confira os principais destaques desta semana

18/06/2021 08h44
Por: Editor
Paraná prorroga Estado de Calamidade Pública até 31 de dezembro

O Governo do Estado encaminhou à Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) nesta segunda-feira (14) o decreto 7.899/2021, que prorroga até o dia 31 de dezembro o prazo de vigência do Estado de Calamidade Pública para enfrentamento e resposta à pandemia do novo coronavírus. Para ter validade, o documento terá que ser homologado pelos deputados.

De acordo com o texto, a medida é necessária, mesmo com o avanço da vacinação em todo o Estado, para enfrentar o atual momento, que registra acréscimo no número de infectados e aumento da taxa de ocupação de leitos públicos e privados de Unidade de Terapia Intensiva, que chega a 96%.

Desde o início da pandemia, o Estado acumula 1.146.320 casos confirmados e 28.049 óbitos.

O reconhecimento de Estado de Calamidade Pública flexibiliza questões orçamentárias e administrativas para assegurar os recursos necessários para áreas prioritárias como a Saúde. Dessa forma, investimentos previstos no orçamento para outras áreas podem ser redirecionados para fazer frente à crise sanitária, econômica e social decorrente da pandemia, sem ferir a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

A prorrogação também permite a continuidade de diversos contratos emergenciais firmados, principalmente, pela Secretaria estadual da Saúde, para viabilizar medidas de prevenção e enfrentamento da pandemia, que teriam de ser encerrados com o fim da vigência do estado de calamidade pública.

O decreto estadual entra em vigor assim que for aprovado pela Assembleia Legislativa do Paraná.

“Impedrejável”

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira (14) ser “impedrejável”. A declaração foi feita a apoiadores na saída do Palácio da Alvorada, quando atacou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o qual chamou de “nove dedos”, e o governador de São Paulo, João Doria (PSDB).  “Sou impedrejável, mais uma aí”, disse Bolsonaro, acrescentando a expressão à lista das que costuma utilizar quando se refere a si mesmo, como “imorrível, imbrochável e incomível”.

 Terceira via

A união federativa de duas ou mais siglas ganhou a atração de partidos que vêem nessa possibilidade um caminho para fortalecer a construção de uma terceira via nas eleições de 2022. Parlamentares do PDT confirmaram que a federação pode inflar a propagada candidatura de Ciro Gomes que, eles apostam, seria capaz de enfraquecer a disputa Lula versus Bolsonaro no segundo turno.

 Tucanos

O PSDB definiu o modelo de prévias para escolher candidato do partido à Presidência da República em 2022. O modelo escolhido pelos tucanos estabelece que os filiados com mandato eletivo terão peso de 75% na escolha, contra 25% dos filiados sem mandato. O governador Doria queria defendia uma divisão igualitária para os dois grupos, o que o beneficiaria na disputa, uma vez que São Paulo tem o maior número de filiados sem mandato. Os outros possíveis candidatos do partido — o senador Tasso Jereissati (CE) e o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, — deixaram claro que se opunham à proposta do governador de São Paulo. A eleição interna do PSDB está marcada para o dia 21 de novembro.

 Improbidade

MPPR acionou por improbidade e denuncia por peculato um servidor público de Toledo que usou carro do Município para passar fim de semana no litoral. Segundo apurado pelo MPPR, o servidor, que era guarda municipal e exercia a função gratificada de coordenador da frota de veículos do Município, alegou que precisava viajar para Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre para regularizar, nos Departamentos de Trânsito locais, as documentações de veículos doados à Prefeitura pela Receita Federal. Para isso, retirou um carro do pátio da Prefeitura sem registro no controle da frota e requisitou R$ 1.520,00 para diárias e despesas de viagem. Entretanto, o denunciado não se dirigiu aos Detrans dos municípios citados, dirigiu-se diretamente a Porto Belo, no litoral catarinense, onde pernoitou, indo em seguida para a cidade de Garuva-SC, cidade na qual abandonou o veículo após problemas mecânicos.

Cidadania

O governador Ratinho Júnior trabalha ativamente em busca de apoio para a sua pré-candidatura à reeleição nas eleições de 2022. Nesta semana o governador recebeu a promessa do Cidadania, antigo PPS, de integrar sua coligação no ano que vem. Na semana passada, o governador já havia recebido a mesma promessa do Progressistas, antigo PP, partido do líder do governo Bolsonaro na Câmara Federal, deputado Ricardo Barros e de sua esposa, a ex-governadora Cida Borghetti. O Cidadania,  presidido pelo deputado federal Rubens Bueno,  já havia integrado a coligação que levou Ratinho Jr ao Palácio Iguaçu em 2018.

 Homenagem

O Poder Legislativo de Marechal Rondon aprovou, em definitivo, o projeto de lei 16/2021, que autoriza a homenagem ao pioneiro rondonense João Luiz Sabka com a denominação de uma praça no Loteamento Sabka, localizado no Jardim Líder. João Luiz Sabka foi empresário de amplo reconhecimento e participação na sociedade rondonense. Proprietário da Auto Elétrica do João, ele faleceu em 2015, aos 75 anos. A praça que trata o projeto possui área de 225 m², e conta com parque infantil, sendo bastante frequentada pelas famílias do Loteamento Sabka.

 Agradou

A administração municipal de Marechal Cândido Rondon encaminhou ao Poder Legislativo o projeto de lei para obter autorização da Câmara de Vereadores para que a Prefeitura possa adquirir dois terrenos, que juntos somam 768 metros quadrados, para implantar área de lazer no bairro Barcelona. A possibilidade e instalação de uma área de lazer agradou em muito os moradores do bairro. O valor máximo a ser dispendido pelo município, conforme o projeto de lei, é de R$ 267.666,00. 

 Fila

Chamou a atenção a fila que profissionais da área da educação fizeram na quarta-feira (16) em Marechal Cândido Rondon, ansiosos por vacina contra a Covid-19. A vacinação iria iniciar somente as 13h30, no entanto, as 6 horas da manhã já havia professores na fila de espera. Enquanto algumas pessoas já inclusas no calendário da vacinação não estão procurando a mesma, os profissionais da educação estão ansiosos para poderem se imunizar.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Giro Político
Sobre Giro Político
Os bastidores da política regional.
Marechal Cândido Rondon - PR
Atualizado às 07h10 - Fonte: Climatempo
15°
Poucas nuvens

Mín. 13° Máx. 27°

15° Sensação
4 km/h Vento
68% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (26/07)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 27°

Sol com algumas nuvens
Terça (27/07)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. Máx. 18°

Sol com muitas nuvens e chuva
Ele1 - Criar site de notícias