Quinta, 02 de Dezembro de 2021 22:40
24°

Poucas nuvens

Marechal Cândido Rondon - PR

Dólar com.

R$ 5,63

Euro

R$ 6,37

Peso Arg.

R$ 0,06

Agricultura Paraná

Nova cooperativa regional vai fortalecer agricultura familiar no Noroeste

A iniciativa é uma parceria entre a Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento, o Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná-Iapar-Em...

29/09/2021 11h00
Por: Tribuna Fonte: Secom Paraná
© Márcio José Serenini/SEAB
© Márcio José Serenini/SEAB

A região de Cianorte vai ganhar uma cooperativa agrícola para promover aumento da renda da agricultura familiar e a valorização dos produtos regionais. A iniciativa é uma parceria entre a Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento (Seab), o Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná (IDR-Paraná) e a Associação dos Municípios do Médio Noroeste do Estado do Paraná (Amenorte).

A nova entidade será resultado da fusão de diversas pequenas associações de cidades vizinhas que, com pouca estrutura, têm dificuldades para comercializar seus produtos e acessar programas governamentais de compras regulares, como oPrograma de Aquisição de Alimentos (PAA)e oCompra Direta Paraná,do Governo do Estado. Com o CNPJ de uma cooperativa já existente e administração conjunta com representantes de cada município, elas terão a possibilidade de se organizar para concorrer em chamadas públicas no próximo ano.

Em agosto, aconteceu a primeira reunião para apresentar o projeto aos prefeitos. Segundo o chefe do núcleo regional da Seab em Cianorte, Francisco Cascardo Neto, 11 municípios estão envolvidos na iniciativa, inédita no Paraná. “A ideia é alcançar o mercado institucional de atacado e varejo na região. Existe um potencial que não está sendo explorado”, diz. A estimativa é de que 100 famílias de agricultores se associem à nova cooperativa, que deve ser formalizada até dezembro.

As associações envolvidas produzem principalmente hortifruti, ovos, pescados e mel, mas seu mercado fica restrito a feiras de produtores e pequenos comércios. Cascardo explica que aproximadamente 90% dos hortifrútis consumidos no município vêm de fora, por razões que incluem problemas na escala de produção, qualidade e regularidade de entrega.

“Apenas para se ter uma ideia, neste ano Cianorte recebeu produtos de seis cooperativas via Compra Direta Paraná, mas todas são de fora. Há um grande potencial, mas a falta de organização impede que este potencial seja atingido”, diz.

ASSISTÊNCIA E INTEGRAÇÃO- Uma equipe técnica do IDR-Paraná já acompanha o trabalho. O engenheiro agrônomo e coordenador de Projetos em Cianorte, Rafael Meier de Mattos, diz que será possível explorar e fortalecer a vocação agrícola específica de cada município e oferecer diferentes caminhos para a comercialização. “Percebemos que vários municípios tinham vontade de organizar grupos de agricultores. Inicialmente, o objetivo é garantir mercado institucional, mas depois buscar também outros mercados, como e-commerce, Ceasa e restaurantes industriais”, explica.

Além da parte jurídica - o grupo já tem uma proposta de estatuto - o projeto envolve um grande esforço no que diz respeito ao aspecto social, de conscientização para a união de forças no campo. “Para o agricultor, a grande dificuldade é o mercado, e essa nova cooperativa vem resolver isso”, acrescenta Mattos.

Para efetivar a fusão, o grupo contará com estruturas já existentes. A Prefeitura de Cianorte, por exemplo, ofereceria um espaço para processamento e distribuição dos produtos. Outras pequenas associações também já demonstraram interesse em compartilhar equipamentos e materiais. “Sendo assim, com local cedido, equipamentos já existentes, estrutura jurídica pronta, o início da Cooperativa seria promissor”, diz Cascardo.

OPORTUNIDADE- Com 62 agricultores, a Associação dos Produtores Rurais de São Tomé (Aprorurais) é uma das envolvidas na iniciativa. A produção é diversificada, com frutas (goiaba, laranja, banana, morango, maracujá, abacate, jabuticaba, entre outras), verduras, legumes, tubérculos, temperos e feijão. Para o produtor Márcio José Serenini, secretário da Aprorurais, além de ajudar na abertura de mercados e agregação de valor, uma cooperativa maior pode melhorar a logística de armazenamento e distribuição dos produtos em mercados regionais; garantir mais assistência técnica; colaborar para a redução de preços de insumos, sementes e mudas por meio da compra coletiva; e gerar maior rentabilidade dos produtos.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Marechal Cândido Rondon - PR
Atualizado às 22h38 - Fonte: Climatempo
24°
Poucas nuvens

Mín. 16° Máx. 32°

24° Sensação
4 km/h Vento
54% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (03/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 34°

Sol com algumas nuvens
Sábado (04/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 18° Máx. 35°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias