Segunda, 01 de Março de 2021 01:00
23°

Poucas nuvens

Marechal Cândido Rondon - PR

Dólar com.

R$ 5,61

Euro

R$ 6,77

Peso Arg.

R$ 0,06

Política Política

Coluna de quinta, 28 de janeiro de 2021

Confira os principais destaques

29/01/2021 11h03
Por: Tribuna
Pedro Rauber, presidente da Câmara de Marechal Rondon
Pedro Rauber, presidente da Câmara de Marechal Rondon

Câmaras voltam

O recesso legislativo chega ao final e a partir da próxima semana as câmaras de vereadores de toda a região retomam seus trabalhos regulares. As câmaras de Quatro Pontes, Marechal Rondon e Entre Rios do Oeste têm suas primeiras sessões ordinárias de 2021 marcadas para às 18h de segunda-feira (1). Da mesma forma a Câmara de Nova Santa Rosa, porém com início às 18h30. Já as câmaras de Pato Bragado e Mercedes voltam só depois do Carnaval, no dia 17, às 18h e 18h30, respectivamente.

Segundo escalão

Completada a equipe de frente, ou seja, de primeiro escalão, a partir de fevereiro devem começar as nomeações de cargos de segundo e terceiro escalão da Prefeitura de Rondon. Mas isso deve acontecer só depois que for aprovado em definitivo na Câmara, a reestruturação de algumas questões relacionadas à reestruturação organizacional dos ocupantes de direção, chefia e assessoramento na administração, bem como de adequação de salários. Tem muita gente apreensiva, esperando uma oportunidade. 

Valdirzinho e Dante

A decisão do prefeito Marcio Rauber em não nomear secretários nas pastas de Governo e Gabinete, deixou de fora do primeiro dos políticos antigos da cidade que formavam a equipe na primeira gestão de Marcio e Ila: os ex-vereadores Valdir Sachser e Dante Tonezer. No pronunciamento feito durante a posse das três novas secretárias, na segunda-feira, o prefeito disse que, se eles quiserem, terão oportunidade no segundo escalão. 

Novo pedágio

Os vereadores que integram a bancada do MDB na Câmara de Marechal Rondon, Moacir Froehlich, Juca e Padeiro, apresentaram requerimento solicitando envio de ofícios aos deputados federais do partido Sérgio Souza e Hermes Parcianello, ao Ministério da Infraestrutura e de cópia à Acimacar, ao Programa Oeste em Desenvolvimento (POD) e à Caciopar, assim como para todos os deputados estaduais e federais que integram a Bancada da Frente Parlamentar sobre os Pedágios. Os vereadores querem que, ao deliberarem sobre o novo modelo de concessão de rodovias do Anel de Integração, estas autoridades procurem ampliar as obras a serem realizadas sem onerar os cidadãos paranaenses, adotando assim a modelagem que permita a adoção de tarifas mais baixas do que as atuais.

Vereador Moacir Froehlich

 

Novo pedágio II

O novo modelo apresentado pelo governo federal prevê a diferenciação de até 40% no valor das tarifas, entre pista simples e dupla, mas somente mediante a conclusão das obras de duplicação. O critério adotado de leilão, o híbrido, não envolve cobrança de valor de outorga. O novo modelo, que abrange um projeto de 30 anos, prevê investimento de R$ 42 bilhões. A proposta contempla a extensão de 3.327 km de malha rodoviária, seis lotes de concessão, além de dez contornos urbanos. O processo de modelagem já está concluído, mas pode sofrer ajustes de acordo com proposições da sociedade. As audiências públicas começam na semana que vem.

Greve

O anúncio do Governo do Paraná que pretende retomar as aulas presenciais na rede pública estadual a partir de 18 de fevereiro gerou da APP Sindicato. Em assembleia no final de semana, a entidade aprovou greve geral justamente a partir da data prevista para o retorno. A classe reclama da falta de diálogo e afirma que não há segurança para o retorno das aulas presenciais. 

Boca Aberta

O deputado federal paranaense Emerson Petriv (Pros), o Boca Aberta, esteve na terça-feira (26) no Centro de Reintegração Social de Londrina e se apresentou para cumprir 17 dias de prisão em regime semiaberto. Ele terá que passar as noites em uma sala separada dos demais detentos. A condenação foi imposta a ele por perturbação de sossego de funcionários de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), episódio ocorrido em 2017, quando ainda era vereador em Londrina.

Aliança pelo Brasil

O presidente Jair Bolsonaro disse a apoiadores que ainda trabalha para criar o seu próprio partido, o Aliança pelo Brasil, apesar do pouco tempo para cumprir as exigências legais. A criação da legenda é discutida desde novembro de 2019, quando ele deixou o PSL. O presidente, contudo, frisou que, caso o Aliança “não decole” até março, ele buscará um outro partido. O mais provável é que seja o Patriotas. 

Presidente Jair Bolsonaro

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Giro Político
Sobre Giro Político
Os bastidores da política regional.
Marechal Cândido Rondon - PR
Atualizado às 00h43 - Fonte: Climatempo
23°
Poucas nuvens

Mín. 18° Máx. 30°

23° Sensação
2 km/h Vento
78% Umidade do ar
67% (8mm) Chance de chuva
Amanhã (02/03)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 31°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Quarta (03/03)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 27°

Sol com muitas nuvens e chuva
Ele1 - Criar site de notícias